sexta-feira, 5 de junho de 2009

Jovem luta para que Chimbinha reconheça seu filho


Um processo de reconhecimento de paternidade que corre na Justiça há um ano e cinco meses pode estar perto de um desfecho. Caso ela seja comprovada legalmente a partir de teste de DNA, o guitarrista e produtor musical Chimbinha, da banda Calypso, terá de reconhecer como filho legítimo um menino de 9 anos (que nesta matéria terá sua identidade preservada), nascido de uma suposta relação entre o artista com uma fã de Macapá (AP).
A mãe da criança, Cristiane de Paula dos Santos Gonçalves, 27 anos, está movendo o Processo Judicial de Investigação de Paternidade com Pedido de Pensão Alimentícia. E falou com exclusividade à TITITI a respeito de sua história com o artista, que é casado há dez anos com a cantora Joelma, com quem tem uma filha de 4 anos.
Acompanhada de seu advogado, Rodolfo Oliveira, Cristiane, que tinha 17 anos quando garante ter se envolvido com Chimbinha, revela nesta entrevista por que, só agora, entrou na Justiça para exigir os supostos direitos do filho.
Nossa reportagem tentou insistentemente, por mais de um mês, falar com Chimbinha para que ele desse sua versão dos fatos. Por intermédio de seu empresário, Sérgio Barbosa, o guitarrista disse que não iria se pronunciar a respeito.

TITITI - Como aconteceu seu envolvimento com Chimbinha?
Cristiane Gonçalves - Foi em 1998. Eu tinha 17 anos e morava em Macapá. Na época, meus pais se separaram e resolvi passar um tempo com uma tia no Maranhão. Certo dia, fui a um show do guitarrista Roberto Villar (considerado no Norte e Nordeste como o rei do ritmo calipso). Minha prima queria conhecê-lo e chamei justamente o Chimbinha, que era guitarrista do Villar, para apresentá-los. Eu não o conhecia e o achei até feio. Só que me apeguei à conversa dele e acabamos passando a noite juntos.

Vocês "ficaram" na mesma noite? O Chimbinha tinha quantos anos?
Sim. Ele estava com 25 e eu 17.

Você era virgem?
Não. Na manhã seguinte, tomei café com ele, almoçamos com os outros músicos do grupo... À tarde, eles iam para outra cidade fazer show e Chimbinha me pediu para acompanhá-lo, mas minha tia não permitiu. Ele me deixou seu telefone e endereço em Belém (cidade onde o artista residia na ocasião). Até então, acho que ele não tinha ninguém. Dias depois, resolvi fugir para Belém atrás dele, porque havia me apaixonado. Como não o encontrei, voltei para o Maranhão. Após um mês, fui a Belém atrás dele outra vez. Um dia, dei de cara com Chimbinha num bar. Levantei e fui falar com ele. Perguntei se estava lembrado de mim, ele ficou me olhando e disse: “Eu lembro de você, só que não sei de onde”. Minhas lágrimas desceram. Ele falou para eu sentar e a gente conversar. Foi quando lembrou de mim.

Você gostava dele, mesmo, ou se sentiu atraída por ser um artista?
Eu gostava dele. Naquela época, ele era pobre. Tanto que não tinha R$ 1 para andar de ônibus. A verdade é que a gente "ficou" de novo, umas três ou quatro vezes. E acabei engravidando.

E o que aconteceu quando você se viu esperando um bebê aos 17 anos?
Eu não queria mais nem olhar para o Chimbinha. Liguei para minha mãe, contei tudo e ela foi me buscar.

E você não chegou a revelar nada a ele?
Não. Eu era praticamente uma menina. Nunca falei nem para meu pai, que morreu sem saber quem era o pai do meu filho. Quando contei (sobre a paternidade) à minha mãe, meu filho já tinha 1 ano.

Mas não dá para entender por que você não disse tudo ao Chimbinha... Achou que ele não ia aceitar?
Não sei. Toda vez que ele chegava perto de mim, ficava sem entender por que eu corria dele. Mas eu tinha medo de ele pedir que eu tirasse o bebê. E eu sempre quis ter um filho.

Então, você planejou essa criança? Era uma garota, mas sabia que corria o risco de engravidar...
Na hora eu não pensei.

Ele não a procurou depois, durante a gestação?
Não. Quando meu filho tinha 3 meses, eu soube que o Chimbinha estava na banda Calypso. Como eles iam fazer um show em Macapá, no Independente Esporte Clube, em Santana, fui até lá na intenção de revelar tudo a ele.

Já queria que ele assumisse a paternidade?
Sim. Quando cheguei ficamos conversando, mas no instante em que eu ia entrar no assunto a Joelma apareceu e foi apresentada a mim pelo Chimbinha como sendo a mulher dele.

Então, Joelma chegou a conhecê-la...
Sim, apertou minha mão e depois os dois me convidaram para ver o show. Ele até me chamou para dançar no palco. Não aceitei e nem contei nada sobre o bebê. Voltei para Belém e deixei meu filho com minha mãe. Aliás, ele foi sustentado por meus pais até eles falecerem, em 2001. Meus dois irmãos também morreram. Aí tive de cuidar do meu filho sozinha.

Daí você não procurou mais o Chimbinha?
Quando meu filho estava com 1 ano e 7 meses, acabei reencontrando-o numa festa em Belém. Eu ia correr dele de novo, mas ele pegou no meu braço e me segurou querendo saber por que eu fugia sempre que o via. Ele saiu me puxando e me botou dentro de seu carro. Parou na frente de minha casa, começamos a discutir, o acusei de ser casado quando me conheceu, mas ele garantiu que não era.

E ele já estava ou não com a Joelma?
Ele diz que não. Naquela discussão, eu estava com uma agenda. Chimbinha a pegou e acabou vendo a foto do meu filho. Ele achou o bebezinho lindo e perguntou quem era. Falei que era meu filho e perguntei: "Sabe quem é o pai e a mãe dele?" E respondi (sem deixá-lo falar): "Sou eu!". Chimbinha ficou olhando para a foto, seus olhos lacrimejaram e ele comentou: "Tá querendo dizer que o filho é meu?". Ele insistiu e acabei respondendo: "O filho é seu porque você fez, mas nunca o criou". Ele argumentou que queria ver a criança, falei que deixaria e ele marcou de voltar às 10h da manhã seguinte. Até então, eu ia deixá-lo ver, não estava cobrando nada, nem pedindo dinheiro. Mas aí ele falou que a gente ia fazer exame de DNA, que a mídia viria em cima... Naquela época, ele estava começando a ficar famoso. E disse que ia botar quantos advogados fossem necessários para tirar o bebê de mim, porque eu não tinha condições de criar o filho dele. Fiquei chateada com isso e com medo de ele tomar meu filho. Quando Chimbinha partiu, liguei para a minha tia e ela me mandou tomar o navio das 6h da manhã com meu filho e ir embora para Macapá. Foi o que fiz.

Então, o músico não conhece a criança?
Não.

E, mesmo sabendo que poderia ser o pai do bebê, ele nunca mais a procurou?
Nem eu a ele. Temia muito que tomasse meu filho.

Você chegou a contar ao seu garotinho quem é o pai dele?
Ele sempre soube. Cresceu sabendo quem era. Desejava que ele tivesse ciência de tudo o que passei.

Quais os sentimentos dele em relação ao Chimbinha? Tem vontade de conhecê-lo? Acho que tem, mas não comenta, creio que por receio de me magoar. Quando ele vê o Chimbinha na televisão, fica olhando triste. Recentemente, ele assistiu a uma reportagem do Fantástico sobre o pai. Ficou olhando e comentou: "Ele nem sabe que eu existo!"

Quando você decidiu procurar o Chimbinha para lutar pelo reconhecimento da paternidade?
Quando meu filho fez 8 anos.

E ele é parecido com o pai?
Sou suspeita para falar (risos). Há pessoas que só de olhar para ele perguntam se é filho do Chimbinha. Meu filho responde que não. Mas, ultimamente, tem dito que sim. Engraçado é que ele anda com o violão dele para cima e para baixo. Ele também tem guitarra e muito dom musical...

Quando essa história se tornar pública, muita gente comentará o caso. Você está preparada para eventuais julgamentos das pessoas? Joelma tem milhares de fãs pelo Brasil...
Acho que, preparada para as pessoas nos julgarem, a gente nunca está. Mas elas têm que procurar entender, ver tanto o meu lado quanto o dele (o do cantor). Botar na balança as duas pessoas, a minha idade e a dele na época. Eu tinha 17 anos. Eu transei sem camisinha, mas ele tinha 25.

3 comentários:

Anônimo disse...

eu acredito na força divina, o que tem que ser será, pois torço pela garota e que dei tudo certo pra ela e pro filho dela, não vou julgar ninguem aqui, pois quem nunca errou???
quem nunca errou que jogue a 1° pedra.......kd? ninguem né, pois é, essa garota é mais uma vitima das labias desses homens, pois eu amo a banda calypso, mais tou a garota e não abro....obg.... Paula Cristiana

keilla disse...

eu acho que é mentira pois se ela sabia que o filho era de um guitarista famoso ela ia querer logo que asumise o filho mas logo depois de 09 anos e uma mentira e muito mal feita sou a favor do chimbinha pois amo calypsoo

dayanne 100% calypso disse...

tbm acho q é mentira se for verdade os fãs da joelma vão querer linxar o chimbinha por te colocado uma gaia na jo

Arquivo do blog